Nota de alerta censurada

postado em: Campo 0

o mês de junho, o Facebook retirou do ar a postagem “Nota de alerta: Dosagem perigosa. Evitando crises psíquicas” da página do ResPire– coletivo de redução de danos em contextos de festa ligado ao É de Lei. O que era um aviso de utilidade de pública, alertando sobre um blotter (papel) de LSD com dose perigosamente alta, virou alvo de CENSURA, privando as pessoas de acessarem esta importante informação.

No início de julho, o LEIPSI – Laboratório de Estudos Interdisciplinares sobre Psicoativos (ligado à UNICAMP) divulgou uma nota do Centro de Controle de Intoxicações de Campinas sobre a presença de Fentanil (opioide) em supostos blotters de “ácido”, LSD. E, pelo menos até o momento, desta vez não houve censura. Como alertou o post, “talvez a maior ironia disso tudo seja que mortes poderão acontecer devido à substituição de uma droga com risco baixíssimo à vida, e ilegal, o LSD, por outra de risco muito maior, e legalizada, o fentanil.” 

 

O É de Lei e o Coletivo ResPire reiteram seu compromisso com o cuidado junto às pessoas que fazem uso de substâncias psicoativas (lícitas ou ilícitas) e aposta no papel crucial da informação como forma de prevenir consequências indesejáveis associadas ao uso. Neste sentido, tanto a informação científica como a informal entre “pares” – ou seja, provinda do conhecimento empírico de usuários – tem seu lugar na construção de estratégias de cuidado, para reduzir os riscos e danos e (por que não?) maximizar os benefícios que as substâncias podem proporcionar.

Como diz um cartaz do É de Lei: 

Nenhuma substância é boa ou má EM SI. Precisamos considerar os usos e contextos! Com a proibição de algumas substâncias, proíbe-se também o controle das mesmas e o acesso à informação. Ou seja, a produção e distribuição ficam vulneráveis às substituições e adulterações, o que acaba muitas vezes gerando riscos desnecessários por conta de dosagens inesperadamente altas ou substituições por análogos (mais baratos e de efeito menos previsível) como nos casos citados.


Confira abaixo alguns cuidados sobre o uso de substâncias psicodélicas; a nota censurada na íntegra; e o alerta do CCI UNICAMP:

Recomendações para uma Experiência Psicodélica Segura

  • Defina a intenção do seu consumo, isso afeta e conduz a experiência. Ex.: acessar sua criatividade, ajudar a curar o relacionamento com a família/parceirx, se conectar com os outros, brincar, etc.
  • Dê uma atenção especial ao seu estado emocional, visto que as substâncias psicodélicas intensificam as sensações, sentimentos e podem trazem à tona memórias traumáticas ou difíceis de elaborar;
  • Busque informações em fontes confiáveis sobre os efeitos e duração da substância que vai tomar;
  • Indivíduos que tomam medicamentos psiquiátricos ou que tenham histórico familiar de doenças mentais devem ter cuidado redobrado. O LSD, por exemplo, pode desencadear problemas psicológicos latentes;
  • Procure ingerir em um local em que se sinta à vontade e com pessoas de confiança, que possam te auxiliar caso necessite;
  • Hidrate-se, alimente-se, lembre-se de urinar. Não se esqueça do seu corpo!

     

***** Nota de alerta censurada na íntegra *****

NOTA DE ALERTA
DOSAGEM PERIGOSA
EVITANDO CRISES PSIQUÍCAS

Ultimamente têm surgido alguns relatos sobre blotters (papéis) de LSD contendo doses extremamente altas, que chegam à espantosos 650µg (microgramas) da substância. Mesmo um quarto (162 µg) desse blotter configuraria uma dose alta. Para efeito de comparação, uma dose é considerada alta com 150 até 400µg, e acima de 400µg muito alta. O perigo é ainda maior por conta da incerteza sobre o que é vendido, havendo o risco de ingerir uma dose muito concentrada de NBOMe e/ou outras substâncias análogas que apresentam efeitos colaterais adversos e diferente do LSD, o que pode provocar crise psicodélica e culminar até mesmo numa overdose.

Assim, o ResPire, zelando pela integridade das pessoas que consomem substâncias psicodélicas, recomenda cautela no uso, por meio de cuidados que devem ser considerados desde a ocasião da compra até a ingestão:
► Caso compre alguma substância, certifique-se que o fornecedor é de confiança. Mesmo os mais camaradas podem não ter clareza do que estão vendendo – limitações da nossa política atual;
► Procure informar-se sobre qual substância e dosagem está presente naquele blotter;
► Pergunte para outras pessoas se já tomaram dessa variedade e qual sua opinião.
► Se for ingerir um blotter sobre o qual está incerto, procure utilizar doses menores do que está acostumado. Espere de uma à duas horas pelo efeito antes de decidir tomar uma segunda dose.
► Evite misturar com álcool ou outras drogas.

OBS: apesar de um papel não ser garantia que se trata de LSD, geralmente os que contêm NBOMe possuem um gosto bastante amargo/metálico, além de causar sensação de dormência na língua.

Cuidem do corpo, da mente e do espírito. ResPire!

***** Alerta do CCI/UNICAMP *****

.

*****

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *