O Centro de Convivência É de Lei é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos que atua desde 1998 na promoção da redução de riscos e danos, sociais e à saúde, associados à política de drogas.

Nosso propósito é promover a perspectiva ética do cuidado no campo das drogas, ampliando a possibilidade de escolha das pessoas, desconstruindo preconceitos, e incentivando uma cultura garantidora de direitos e diferenças.

Nossa missão é cocriar e disseminar referências e práticas de cuidados e estratégias de redução de danos a partir da atuação junto às pessoas que usam drogas, às que trabalham na rede intersetorial, à academia e à gestão pública, visando incidência política que transforme a lógica da guerra às pessoas.

Nossas ações estão voltadas para o desenvolvimento da cidadania e para a defesa dos Direitos Humanos de pessoas que usam drogas, sobretudo em contextos de vulnerabilidade. Essas ações se concentram em cinco núcleos:

Núcleo Práticas de Redução de Danos: oferece acolhimento, orientação e encaminhamento de pessoas usuárias de drogas e sua rede de interação social no Centro de Convivência, realiza intervenções em campo, e desenvolve projetos para promoção da redução de danos em diversos contextos, incluindo a criação e testagem de insumos e estratégias preventivas para pessoas usuárias de diferentes drogas em diferentes contextos.
Saiba mais sobre o Campo, o Centro de Convivência e nossas ações em contextos de festas por meio do Projeto ResPire.

Núcleo de Ensino e Pesquisa: coordena cursos, formações e supervisões de profissionais, assim como oferece consultoria para a implantação de programas de redução de danos e colabora em pesquisa científicas.

Núcleo de Comunicação e Advocacy: é responsável por representar o É de Lei em eventos, articular parcerias institucionais, realizar análises de conjuntura e definir as estratégias de incidência nas diferentes esferas, além de orientar o diálogo público para a disseminação da Redução de Danos.

Núcleo de Gestão Estratégica e Núcleo de Gestão Operacional: têm como objetivo cuidar da integridade, saúde e sustentabilidade institucional do É de Lei, realizando o monitoramento dos projetos vigentes. Estes núcleos partem de uma visão global e estratégica da Instituição, garantindo uma direção alinhada aos propósitos do É de Lei, ao contexto político e às estratégias acordadas entre todas as equipes.