O É de Lei entende que a redução de danos deve permeiar toda a construção das políticas que afetam pessoas que usam drogas. Por conta disso, buscamos estreitar o diálogo entre aqueles que são afetados pelas políticas, aqueles que as executam e os gestores públicos. Isso é feito através das representações políticas em fóruns e conselhos participativos, como os descritos abaixo.

Fórum Estadual de Redução de Danos de São Paulo




Em 2012 o É de Lei lançou o Fórum Estadual de Redução de Danos de São Paulo (FERD) para debater questões do campo da redução de danos. Hoje, outros grupos ajudam a articular este espaço, que conta com a participação de mais de 25 municípios.


OBJETIVOS do FERD:

  • Troca de experiências no campo da RD.
  • Apresentação de novas práticas e saberes.
  • Articulação e fortalecimento da rede intersetorial de RD.
  • Construção coletiva de conhecimento.
  • Incidência nas políticas públicas.



PUBLICAÇÕES: 


Fórum Intersetorial de Drogas e Direitos Humanos


Diante da falta de espaços para articulação de profissionais e grupos que atuam na perspectiva da redução de danos, o É de Lei propôs em 2010 a criação deste espaço, que só se tornou possível com a colaboração e participação de organizações e pessoas interessadas no tema. Através destes encontros tem sido possível a construção de uma rede de cuidados para usuários de drogas na região metropolitana de São Paulo. O grupo também tem discutido e se posicionado publicamente frente às políticas públicas para usuários de drogas. Hoje o grupo se constitui como autônomo e independente, se reunindo toda terceira terça-feira do mês, das 9h às 12h, em locais itinerantes.


Reuniões do FIDDH: Veja no Facebook informações sobre o próximo encontro.